Pages

sábado, 21 de maio de 2011

A Crise das Locadoras




Já foi-se o tempo em que as locadoras davam como frutos diretores de cinema loucos por filmes, tais como Quentin Tarantino. Essa era de ouro das locadoras foi até metade dos anos 90. A partir de 1995 houve uma grande novidade: O DVD. Aqui no Brasil, pelo que me lembro, começou a chegar nas locadoras entre 2000 e 20004. Recordo do pouco espaço que as locadores expunham os DVD's em competição com as fitas VHS.

Com essa revolução, ganhamos melhor audio, imagem e um menu interativo - além de filmagens nos bastidores da produção. Mas perdemos aquelas queridas locadores que recorriamos quando não tinhamos nada programado para aquele final de semana frio e chuvoso. Com a facilidade de copiar os filmes atualmente, e com o baixo preço dos filmes - hoje em dia, um filme que não é laçamento pode custar entre 13 e 9 reais, sem comparação para um filme em VHS - quase ninguém mais procura as locadoras.

No começo elas, as locadoras, apenas diminuiram o numero de lançamentos que compravam, de 3 DVD's de cada título passou para um. Logo após foram forçadas a comprar quase nenhum lançamento e depois, a comprar um lançamento semestral. Muitas, vendo a queda do mercado, já começaram a vender seus filmes quando a quantidade de vezes que ele foi alugado cobrisse o preço da compra. Hoje, muitas já fecharam e outras vendem todos os seus filmes para ganhar algo a mais antes de fecharem.

A saída? Para quem está nas cidades atendidas pelas locadoras online, como Rio, São Paulo, Bahia, Ceará... entre outros, pode alugar com um serviço especial pela internet. Quem nao mora por lá tem que se contentar por assistir online - pago é claro, isso se quiser estar na lei. A pirataria realmente prejudicou esse mercado.

A inovação tecnológica junto com a pirataria trouxeram coisas más e boas - a pirataria mais má do que boa. Mas é assim que acontece, temos que aprender a conviver com a nova forma de viver. Afinal, o sistema está em extrema mutação. É como disse o ícone do cristianismo, "O mundo está passando e assim também o seu desejo".

Nenhum comentário: