Pages

terça-feira, 23 de junho de 2009

Animação (parte 2) - Animação 2d

Se você não tem um computador potente para rodar softwars 3d pesados, nem uma camêra digital para fotografar bonecos em movimento, mas quer de qualquer forma entrar no mundo das animações, te aconselho se enveredar pelos caminhos dos desenhos animados.
Existe a técnica de fazer desenhos pelo computador, mas se você não tem uma mesa digitalizadora, é melhor ficarmos mesmo no lápis e papel. Vamos lá, ao mesmo tempo que entendemos como essa engrenagem funciona vamos aprender a fazer um desenho animado. Você nem precisa saber desenhar direito, pode usar aqueles bonequinhos de cabeção e corpo de palito mesmo.

1° passo=> Construindo uma mesa de luz.
Como todo projeto que dá aquela vontade de iniciar, e não temos material, vamos ter que improvisar. Uma mesa de luz (como mostra a imagem) serve para podermos ver o frame anterior que fizemos e assim fazermos os movimentos dos personagens. Colocamos o papel com o ultimo desenho feito e por cima o papel em branco para fazer o próximo movimento.
Mesas de luz podem custar em torno de 800 reais - mas se quiser uma que custe de 20 à 0 reais, continue lendo.

Como fazer=> Eu gosto muito de improvisar nos meus projetos, isso dá mais gosto pois todo o material que uso foi eu quem fiz. Vou dizer o que eu usei para fazer a minha humilde mesa de luz, e então você poderá ter uma luz para fazer da sua forma. (trocadilho terrível)
Eu usei 3 coisas principais: Um pedaço de vidro da vitrine que a minha mãe desmontou e não queria mais, a caixa empoeirada do DVD e os dois suportes de isopor que vieram dentro da caixa. Medi o tamanho do papel A4 e fiz um buraco proporcional na caixa. Pus o vidro tampando o buraco pela parte de dentro e coloquei os dois suportes de isopor debaixo dele de uma forma matematicamente calculada para o vidro não se mexer. Daí foi só ligar uma lâmpada fluorescente à uma extensão elétrica e pôr dentro da caixa. Cuidado com aquelas lâmpadas incandescentes, eu não me responsabilizo se o vidro explodir enquanto você desenha ou a caixa misteriosamente pegar fogo. No total forma uma buginganga, mas que serve muito bem.

2º Passo => Com todos os frames completos você vai precisar de uma scanner. Se tiver uma camera digital ou uma web cam tambem serve. Passe todas as imagens para o computador e depois baixe o programa Monkey Jam. Vá em "Files>>Import>>>Images". Depois de todas as imagens carregadas é só transformar em vídeo: "Files>>Export AVI". Agora é só esperar e assistir o video.








Animação (parte 1)

     Neste blog eu sempre gosto de falar um pouco de cada coisa. Agora vamos falar sobre animação. Sinceramente, o que me levou a escrever este artigo foi a grande parte as pessoas que conheço não fazerem ideia do que é uma animação 3d, e outros, apesar de saberem diferenciar, não tem ciência de como é produzido um desenho animado.
     Se você não sabe o que é essa coisa de 3d pode ter certeza que já assistiu na televisão. Bons exemplos são os filmes: Shrek, Procurando Nemo, e Os Sem Floresta. A diferença o próprio nome já diz. Esse tipo técnica é trabalhada em 3 dimensões - altura, largura e profundidade. É como uma escultura, só que dentro do computador, digital. O artista, por meio de um desenho ou uma fotografia como referência, modela um objeto que irá animar. Visto que a técnica envolve simulação de física e iluminação real a animação 3d tem mais qualidade do que um desenho animado.
     Um desenho animado - animação 2d - pode ser realizado diretamente pelo computador, como o desenho "Mucha Lucha", ou à mão, como a maioria dos desenhos que passam toda a manhã na globo. Na verdade a técnica é mais simples do que a 3d, e requer muito mais paciência, pois os resultados demoram para serem percebidos. O artista desenha todos os frames (quadros) que a animação terá - os profissionais usam 24 para um segundo, os mais "apressadinhos" usam 12. Após todos os quadros prontos é só juntar tudo no computador, e voialá, o desenho animado está pronto. Só o que eu acho estressante é ter que colorir cada frame. Imagina depois de você ter desenhado mais de 14 mil folhas ( o que vai resultar - profissionalmente- em 10 minutos de animação) ter que colorir detalhadamente todas elas. Mas para quem gosta dessa arte, pode ter certeza, é um prazer.
     O mundo desse tipo de entrertenimento não se limita a apenas essas duas formas de animar. Há várias outras técnicas, como stop motion, mas isso já é outra coisa que foge totalmente do nosso rumo.
Nos próximos artigos aprenderemos como fazer uma animação 2d, e como entrar no fantástico mundo 3d. Até lá

Cena 2d



Cena 3d

segunda-feira, 1 de junho de 2009

Elas são de morte

     "Elas são de morte", este é o título da coleção de romances policiais escritos por mulheres brasileiras. Normalmente quando pensamos em escritores brasileiros apenas fazemos conexão aos títulos citados nos vestibulares.
     Confesso que antes nem ao menos imagina que o Brasil também produzisse romances policiais. Depois de uma rápida pesquisa minha opinião mudou. Há livros ótimos escritos por brasileiros. Para você fazer o teste, vá até o submarino.com.br na seção de escritores brasileiros e romances policiais. Haverá uma vasta lista de livros superinteressantes. E se você não está muito acostumado a usar o submarino para pesquisar livros, pode usar o google, com certeza a lista terá bem maior.
     Para uma melhor consulta de todos os títulos dessa série visite o site da editora:
http://www.rocco.com.br/ElasSaoDeMorte/osPrimeirosTitulos_frame.asp




Vende-se vestido de noiva - Denise Assis foi quem idealizou a série, veja no site da editora as entrevistas com as escritoras