Pages

sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Filho com cara de Pedra?!

  Quem nunca ouviu falar que quando uma mulher não come o que deseja quando está grávida o filho sairá semelhante ao que ela desejava? Comumente desejos bem estranhos são formulados: Quiabo com açúcar; Feijão com maionese (ééééca), prefiro parar por aqui. Mas imagina uma mulher gravida querendo comer PEDRA e ARÉIA!!! 
   No Quênia mulheres grávidas estão sendo estudadas pelo hábito de comerem um tipo de pedra chamada de Odowa. O mais incrível ainda é que comerciantes não perderam tempo, e já vendem essas pedras para saciar este estranho desejo, 10 reais cada 90 quilos. 
   Essa compulsão de comer o que não se deve comer é denominada de pica, do latim pega, nome de um pássaro que supostamente seria capaz de comer qualquer coisa.Pelo menos 800 das mulheres entrevistas afirmaram que comem terra, pedras e outras coisas que não são "comestíveis". Mas não crie repulsa assim imediatamente. A trucionista Alice Nnodong diz que "tem gostinho bem agradável". Poderia até mesmo substituir a farinha, pois não é doce e nem salgado, quem sabe não vira moda no ocidente?
   A pesar de ser uma estranha mania, de certa forma traz alguns benefícios. A natureza abrasiva da pedras limpam os dentes, semelhante àos ossos de mercado para cachorros. Mas lembre-se, comer pedras exige beber muita água ou então a  sua massa, que não pode ser expelida, causará problemas nos rins e no fígado. E pode ter certeza, não será nem um pouco prazeroso. E ainda tem gente dizendo que não consegue ficar sem comer. Sylvia Moi, uma estranha queniana,  revela que andar sem as pedras a faz sentir mal, com fome, "vazia". Com certeza eu não me sentiria assim.
Vai querer um quilinho?

Nenhum comentário: